terça-feira, 1 de março de 2011

Dilma anuncia reajuste de até 45,5% a beneficiários do Bolsa Família

MATHEUS MAGENTA
ENVIADO A IRECÊ (BA)
Roberto Stuckert Filho/PR
Dilma cumprimenta populares na chegada a Irecê; no local, presidente anuncia reajuste no Bolsa Família
Dilma cumprimenta populares na chegada a Irecê; no local, presidente anuncia reajuste no Bolsa Família
+ Canais
A presidente Dilma Rousseff anunciou nesta terça-feira (1º) o reajuste médio de 19,4% aos beneficiários do programa Bolsa Família, com elevação real de 8,7% sobre a inflação do período de setembro de 2009 a março de 2011.
O maior aumento, de 45,5%, será dado a crianças e adolescentes de até 15 anos. O valor concedido aos jovens entre 16 e 17 anos também é significativo: 15,2%.

O reajuste terá um impacto de R$ 2,1 bilhões, o que representa cerca de 0,4% do PIB (Produto Interno Bruto).
Com a correção, o menor valor pago pelo programa passa de R$ 22 para R$ 32 e o maior, de R$ 200 para R$ 242. O benefício médio atual, de R$ 96, subirá para R$ 115.
Segundo o governo, 12,9 milhões de famílias em todo o Brasil recebem o benefício, cerca de 50 milhões de pessoas com renda mensal per capita de até R$ 140.
O sertão baiano foi escolhido pela presidente como palco do anúncio do primeiro reajuste de seu governo no valor dos benefícios do Bolsa Família, principal programa de transferência de renda federal.
O anúncio foi feito durante a visita de Dilma a Irecê, município localizado no Polígono das Secas, a 478 km de Salvador.
O reajuste havia sido prometido pela própria presidente, em novembro, logo após sua eleição. "Eu não sei hoje dizer qual é esse reajuste, mas que terá reajuste eu asseguro que terá", disse na ocasião.
O valor do benefício está congelado desde setembro de 2009. Na época, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva concedeu um aumento real (acima da inflação) de 4% ao Bolsa Família.

fonte: folha.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vende-se Uma Casa em Tarauacá