quarta-feira, 4 de maio de 2011

Urubus fazem farra em lixo em pleno centro de Cruzeiro do Sul

Qua, 04 de Maio de 2011 14:29 Chico Melo, da TV Gazeta

E-mail Imprimir PDF
Deficiência na coleta de lixo de Cruzeiro do Sul gera revolta entre os moradores
lixo_01Urubus tomam conta dos lixeiros do município. (Foto: Reprodução/TV gazeta)Caixas cheias de lixo e  abarrotadas, entulhos espalhados pelas ruas dividindo espaço com pedestres.Esse é o resultado da segunda maior cidade do estado, com quase 80 mil habitantes e um sistema de coleta de lixo deficitário.
Em alguns locais do centro da cidade de Cruzeiro do Sul, não é dificil encontrar lixo e entulhos espalhados pelas  ruas.
No centro comercial, um dos locais mais movimentados da cidade a cena é ainda mais grave: uma das únicas caixas de lixo existentes no local, não comporta o volume de lixo e o jeito é jogar na rua.
Em alguns lugares, as caixas de lixo são fontes de alimento seguro para cachorros e urubus que colaboram para espalhar ainda mais a sujeira pela cidade.
Bem em frente ao famoso Mercado do Agricultor, visitado por muitos turistas, os urubus aproveitam para se alimentar com os restos, onde disputam o lixo da caixa que espera por coleta.
lixo_03Dona Aldenise Oliveira, comerciante há mais de 20 anos no local, afirma que o mal cheiro afasta os clientes. (Foto: Reprodução/TV Gazeta)
Na área dos mercados é comum ver essa cena, eles disputam o lixo. A exemplo deste local, onde o cachorro morto na beira da rua tambem é disputado e até parece que muitos aguardam a vez.
Em alguns bairros, as caixas de ferro já estão praticamente destruídas pela ação do tempo e da ferrugem.
Durante nossa reportagem, encontramos homens da prefeitura fazendo limpeza em alguns locais da cidade, mas é quase impossível dar conta da limpeza em uma cidade, que segundo estudo da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, produz mais de 35 mil toneladas de lixo e entulhos por mês.
lixo_02O morador José Martins foi obrigado a improvisar e fez de uma geladeira um lixão. (Foto: Reprodução TV Gazeta)
Algumas pessoas acabam  apelando para o improviso, como é o caso do sr. José Viana Martins, morador da rua Alagoas. "Eu arranjei uma caixa de geladeira velha para servir de lixo", disse ele.
Procurado por nossa reportagem, o chefe do departamento de limpeza da Prefeitura Municipal de Cruzeiro do Sul, Amauri Barbosa, adimite a deficiência no sistema de coleta de lixo da cidade, mas diz que medidas estão sendo tomadas no sentido de amenizar o problema.
O único aterro sanitário da cidade está com seus dias contados.
Francisca nascimento, chefe do Departamento de Controle Ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, diz que um planejamento está sendo elaborado em conjunto com outros municípios do juruá.

fonte: agazeta.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Termina Prazo para Vistoria de Veículo de Leílão

O 2º Leilão Público de Veículos do município de Tarauacá, que foi realizado no dia 06 de julho, no auditório da Escola de Ensino Médio ...