quarta-feira, 13 de junho de 2012

Sawana nega descredenciamento de auto-escolas no Acre

Jairo Carioca,
A diretora presidente do Detran-Ac, Sawana Carvalho, negou o descredenciamento e o fechamento de Auto Escolas supostamente envolvidas no esquema de emissão de Carteira Nacional de Habilitação nesta segunda-feira, 11, por meio da “Operação Tentáculos”, da Polícia Civil. A diretora afirmou que todas as empresas apareceram no processo por que tinham funcionários envolvidos no esquema, mas descartou uma medida mais punitiva antes da conclusão do processo.

Ainda de acordo a assessoria de imprensa do Detran-Ac, o órgão credencia instrutores de trânsito e empresas Auto Escolas. As que foram envolvidas segundo o Grupe Especial de Combate ao Crime Organizado foram: Autoescola Farol II do Quinari, Habilitar, Primavera, Aquiry, Águia, Radar, Cristhus, Adrian e Vitória. 27 pessoas estão presas.

O ESQUEMA

A quadrilha de 27 pessoas, formada por servidores do Detran, funcionários de Auto Escolas, despachantes de veículos e policiais, desarticulada na manhã desta segunda-feira, 11, na Operação Tentáculos da Polícia Civil e Ministério Público Estadual (MPE) estaria vendendo Carteiras Nacional de Habilitação e esquentando documentação de carros roubados em outras cidades brasileiras.

Segundo levantamento prévio da diretora do Detran, Sawana Carvalho, cerca de 500 CNHs teriam sido vendidas pela quadrilha. Os criminosos cobravam R$ 1 mil, pela expedição do documento. O esquema era complexo e envolveria todos os estágios que são necessários para que um condutor possa ter o direito de dirigir. O recrutamento seria feito por instrutores de nove autoescolas envolvidas na fraude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vende-se Uma Casa em Tarauacá