segunda-feira, 19 de março de 2012

Secretaria de Educação e parceiros lançam projetos de combate à violência escolar




O principal objetivo da ação, além de alertar os participantes para que denunciem casos de violência nas suas mais variadas formas, como a doméstica, é conter a violência escolar (Mardilson Gomes)
O principal objetivo da ação, além de alertar os participantes para que denunciem casos de violência nas suas mais variadas formas, como a doméstica, é conter a violência escolar (Mardilson Gomes)
O principal objetivo da ação, além de alertar os participantes para que denunciem casos de violência nas suas mais variadas formas, como a doméstica, é conter a violência escolar (Mardilson Gomes)
Por meio de debates e palestras que irão discutir assuntos de importância social, como o uso de drogas, bullying e violência na escola, a Secretaria de Estado de Educação e Esporte (SEE), em parceria com o 5º Batalhão da Polícia Militar (BPM), lançou na tarde de sexta-feira, 16, os projetos A Escola Faz Direito e Policiar, Musicalizar: Proporcionando Esperança, que atuarão nas escolas de Ensino Fundamental (para turmas dos 8º e 9º anos) e Médio localizadas na área de atuação do Batalhão.
O principal objetivo da ação, além de alertar os participantes para que denunciem casos de violência nas suas mais variadas formas, como a doméstica, é conter a violência escolar em todos os aspectos, proporcionando maior harmonia no convívio escolar e social, desvendando e interpretando suas significações e impacto nos envolvidos para tentar minimizá-las e impedi-las de continuar.
A realização do projeto educacional irá utilizar recursos do próprio batalhão, também possibilitando o apoio de instituições públicas e entidades comunitárias que se interessem em firmar parcerias, sempre em consenso com a abordagem intitulada Cidadão como agente da ética moral, sempre obedecendo a um cronograma previamente estabelecido sobre as atividades desenvolvidas em cada instituição.
O Secretário de Educação e Esporte, Daniel Zen, ressalta que esta é mais uma atividade que vem a somar as atividades que vem sendo desenvolvidas nas escolas por meio de Programas como o Mais Educação que tem como meta aumentar de 11 alunos atendidos em 2011 para 40 em 2012. "São atividades que enriquecem o currículo e leva a educação para além das quatro paredes, abrindo horizontes para outras práticas. É como muito carinho que abraçamos estes projetos com a certeza de que serão um sucesso", afirma.

 A Secretaria de Educação lançou nesta sexta-feira, 16, programa de combate à violência escolar (Mardilson Gomes)
A Secretaria de Educação lançou nesta sexta-feira, 16, programa de combate à violência escolar (Mardilson Gomes)
























Para o comandante do 5º Batalhão, Major Estefan, "a violência é um fenômeno social que atinge crianças, adolescentes e adultos de todos os segmentos sociais e em todos os lugares. Esta problemática vem provocando crescente perplexidade e sendo objeto de grande preocupação no meio escolar. Nos sentimos honrados em promover políticas públicas que contribuirão com a segurança nas nossas escolas, na certeza de que verificaremos a diminuição da violência que permeia as instituições escolares para que a harmonia e a tranquilidade sejam fatores progressivos no ambiente escolar".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vende-se Uma Casa em Tarauacá