domingo, 3 de junho de 2012

Curso de capacitação para Educação para Trânsito


Realizado em Rio Branco, nesta ultima sexta-feira (1), um curso para capacitação de professores na Educação para o Trânsito. O Detran/Ac, juntamente com a Secretaria Estadual de Educação e Policia Militar, fizeram uma parceria para adotar nas escolas o trânsito como tema transversal para que se possa trabalhar com crianças e adolescente sobre esse crescente e complicado assunto que precisa desde cedo ser implementado entre os estudantes para que em um futuro próximo tenhamos um trânsito mais seguro e harmonioso na sociedade.

A partir do momento que a sociedade toma pra si algumas responsabilidade, inclusive de cobrar das autoridades competentes a implementação do já existe em Lei, caminhamos para ter cidadão mais conscientes de seus direitos e deveres para com o outro. Não basta apenas ter leis rígidas, se não colocarmos em prática atitudes que podem salvar vidas e disseminar a solidariedade para com o próximo.

A intenção deste curso é justamente trazer para o debate sobre o trânsito professores, educadores e os órgãos que atuam nessa área para forma uma rede de multiplicadores das ações que envolve o trânsito no nosso Estado e no Pais. O Brasil está em quarto lugar em vitimas fatais de trânsito e para mudar esse quadro a ONU lançou em 2011 a Década de Ação pela a Segurança no Trânsito, que vai até 2020. Esse é o momento para que os gestores de escolas, sindicatos, núcleo de educação e órgãos que atuam diretamente no trânsito elabore uma proposta para melhorar o trânsito na nosso cidade. Para que no futuro não venhamos a sofrer problemas graves como sofre hoje cidades que não tiveram essas preocupações com o trânsito. Educar é essencial, começar com as crianças e adolescentes é primordial para formamos no futuro motoristas mais conscientes no transporte viário.

“Se, na verdade, não estou no mundo para simplesmente a ele me adaptar, mas para transformá-lo; se não é possível mudá-lo sem um certo sonho ou projeto de mundo, devo usar toda possibilidade que tenha para não apenas falar de minha utopia, mas participar de práticas com ela coerentes.” Paulo Freire.
 








Nenhum comentário:

Postar um comentário